Archive | janeiro 2012

Roosevelt Island

O primeiro post de verdade já fala sobre uma das melhores experiências que eu tive desde que me mudei pra Manhattan.

Antes de chegar aqui, quando eu pensava em New York, várias imagens de prédios, placas, carros, taxis, movimento, muita gente e tudo aquilo que via nos filmes aparecia na cabeça. Quem imaginaria que no meio de Manhattan eu encontraria uma ilhazinha tranquila, parecida com uma cidade do interior?

Ela fica entre o borough Queens e o bairro Upper East Side (onde eu moro atualmente).

Que lugar lindo!

Em uma hora você dá a volta na ilha inteira e dá de cara com um parque na parte sul, vários campos de baseball, quadras de basquetes, prédios residenciais e pouquíssimos carros. Tem até um farol na parte norte.

Parquinho e o East River lá no fundo separando de Manhattan

Bem no centro da ilha, tem uma Starbucks, uma Duane Reade (falarei mais tarde sobre esse paraíso chamado Duane Reade), um barzinho chamado River Walk, entre outras lojinhas pequenas.

Mas como eu chego lá? Dá pra ir de metrô (modo boring) e de bondinho (originalmente conhecido como tram)! E se você tiver o Metrocard (falo mais tarde também), ambos ficam de graça.

Peguei o bondinho bem na hora do pôr do sol :)

E a melhor parte é que o bondinho é o mesmo que aparece no filme Spiderman. Descobri isso quando uma criança falante começou a conversar comigo no bondinho e me contou. (btw, ela achou que eu era de outro mundo por eu ser brasileira)


Não é o lugar mais famoso nem o maior ponto turístico de New York, mas foi o passeio mais gostoso que eu fiz. :)

Vários banquinhos pra ficar admirando Manhattan.

Direções
Bondinho: Pra pegar, vá de metrô até a 59th / Lex e ande até a rua 60th / 2nd avenue.
Metrô: Linha F / Queens.

Apple meets?

É, Apple meets Big Apple. Estou morando em New York e um dos trabalhos de uma das minhas matérias (Blogging, no caso) era criar um blog (). Juntei meus nulos conhecimentos e aqui estou, tentando criar algo útil pra humanidade. Não vou mudar o mundo, mas posso dar um rumo novo pra sua viagem.

Não quero criar um blog clichê com pontos turísticos óbvios. Quero achar drinks baratos, padarias aconchegantes, lugares diferentes, moradia, clima, transporte ou qualquer outra coisa que fuja da turistagem natural (tentarei, né).

É isso!

Começando

Falta coisa aqui. Calma lá!